Logo do siteSilhueta da face do Maujor seguida do texto Maujor o dinossauro das CSS

Menu hamburger Três barras horizontais na cor laranja destinadas a ser clicada para abrir o menu menu do site

Você está no BLOG do Maujor. IR PARA O SITE

Dive into HTML5: 100% traduzido!

Publicado em: 2012-12-2 — 13.121 visualizacoes

Palavras iniciais

Em 18 de outubro de 2011, Zeno Rocha escreveu um artigo chamado: “Era uma vez uma referência chamada Dive into HTML5…”, onde contava sobre o súbito abandono de Mark Pilgrim da internet.
Pra quem não sabe ele é o autor do livro HTML5: Up and Running e do famoso site Dive into HTML5, e abandonou a internet levando consigo todo seu material já produzido. Uma pena muito grande já que era uma referência tão rica sobre o assunto.

Felizmente seu trabalho conseguiu ser recuperado pela comunidade e nada de ruim aconteceu com ele, apenas queria se afastar do mundo virtual.

E foi nesse dia que o Zeno decidiu iniciar o processo de tradução da versão online do livro para português e veio contar para nós um pouquinho desse projeto, criando o texto a seguir que é de sua autoria e que eu publico com grande prazer.

A Missão

Por maior que fosse a boa vontade, não seria uma tarefa fácil. Eram cerca de 18 páginas HTML, contendo mais de 70 mil palavras em inglês para traduzir.

O conteúdo ia desde a mais detalhada história do HTML5 até os mais profundos truques sobre Vídeo, Canvas, Formulários e tudo mais que você possa pensar sobre HTML5.

O Processo

A ferramenta usada para controle de versão foi o Git e o ambiente de interação entre os contribuintes foi o Github (veja o repositório do projeto).

Essa foi uma decisão extremamente importante para o projeto. Mesmo sabendo que muitas pessoas nunca tinham usado o Git ou Github, sabia que essa seria a melhor alternativa. Lá seria possível receber as contribuições (via Pull Requests) e visualizar exatamente as diferenças (via Diff Commits).

Cada parágrafo traduzido por alguém era primeiro revisado por mim e depois revisado por pelo menos mais uma pessoa.

Além disso, era preciso saber quem estava trabalhando em cada página, a fim de evitar que duas pessoas estivessem trabalhando em um mesmo capítulo. Para isso foram criadas duas páginas na Wiki, uma para Tradução e outra para Revisão, listando os capítulos já traduzidos/revisados, os que estavam em processo de tradução/revisão e também os que faltavam ser traduzidos/revisados.

A Comunidade

A ferramenta escolhida para gerenciar toda essa tradução foi importante, mas o que realmente fez toda diferença foi a participação da comunidade no projeto.

Ao todo 17 pessoas, de todo canto do Brasil, fizeram contribuições (veja o gráfico dos maiores contribuidores) e eu gostaria de agradecer a todos, pois sozinho eu nunca conseguiria terminar essa tradução.

O Término

O projeto durou cerca de 1 ano para terminar de ser traduzido. E sim, eles poderia ter acabado muito antes disso, mas durante esse 1 ano estive envolvido em outras dezenas de projetos open source.

Nesse meio do caminho, conheci pessoalmente pessoas incríveis que ajudaram no projeto. Como, por exemplo, o Henrique que veio de Tubarão (RS) para o evento que eu estava palestrando em Belo Horizonte (MG). Ou o Zé de Curitiba (PR) que me contou que na agência onde ele trabalhava eles tiravam 30 minutos do dia para ajudar na tradução.

Deu muito trabalho, muito trabalho mesmo, mas ouvir histórias como essa faz valer a pena qualquer trabalho.

Também ouvi muitos questionamentos de que traduções só deixam os desenvolvedores preguiçosos e que é errado já que devíamos incentivar eles a aprenderem inglês.

O problema é que essas mesmas pessoas que questionam as traduções esquecem que um dia foram iniciantes e que também não sabiam inglês.

Sei que é uma discussão sensível, mas acredito que estamos no caminho certo para ajudar as pessoas. Valeu cada segundo.

Veja o resultado final!

Livros do Maujor

Desenvolvimento com Padrões Web? Adquira os livros do Maujor
Clique a "capinha" para visitar o site do livro.

capa livro Grid Layout   capa livro html5   capa livro css3   capa livro HTML5 e CSS3   capa livro RWD   capa livro jQuery   capa livro Bootstrap3   capa livro ajaxjQuery   capa livro css   capa livro html   capa livro javascript   capa livro jQuery Mobile   capa livro jQuery UI   capa livro SVG   capa livro foundation   capa livro Sass e Compass

Esta matéria foi publicada em: 2012-12-2 (domingo). Subscreva o feed RSS 2.0 para comentários.
Comente abaixo, ou link para http://www.maujor.com/blog/2012/12/02/dive-into-html5-100-traduzido/trackback no seu site.

10 comentários na matéria: “Dive into HTML5: 100% traduzido!”

  1. Adriano BatistaNo Gravatar disse:

    Atitudes assim contribuem para a difusão do conhecimento, parabéns a todos os envolvidos.

  2. RafaelNo Gravatar disse:

    Parabéns a todos os envolvidos por se importarem e terem um trabalho tão grande pra alcançar a galera que ainda engatinha no inglês, e no HTML5 :p.

  3. Saulo CastroNo Gravatar disse:

    Parabéns para todos os envolvidos no projeto! Um trabalho de primeiríssima qualidade.

  4. André MianiNo Gravatar disse:

    Parabéns para todo mundo que colaborou com esse projeto. Estava pesquisando sobre HTML5 e encontrei esse post. Super contribuição.

  5. EduardoNo Gravatar disse:

    Parabéns à todos que tomaram a escolha de doar parte de seu tempo ao desenvolvimento desta obra!

    Eduardo Joaquim.

  6. DodileiNo Gravatar disse:

    Excelente, iniciativas como essas ajudam realmente as pessoas… todos saem ganhando, até quem botou a mão-na-massa está ajudando a construir profissionais melhores…

  7. Henrique LauroNo Gravatar disse:

    Opa, muita satisfação poder participar desse projeto, que venham muitos outros 🙂

  8. Ramon VictorNo Gravatar disse:

    Foi muito gratificante participar como colaborador desse projeto.

    Parabéns, mais uma vez, @zeno!
    🙂

  9. Leonardo A. SouzaNo Gravatar disse:

    Maior vacilo essa foto. Zeno palestrando e a galera do fundo da sala fazendo tudo, menos prestando atenção hahaha

  10. Zeno RochaNo Gravatar disse:

    Mais um sonho realizado, ver um artigo meu no blog do maujor 😉

Comentário:





Teclar "Enter" cria um novo parágrafo. Teclar "Shift + Enter" causa uma quebra de linha.

Subscribe without commenting

topo