Mapa de imagens com pop-up

Passe o mouse sobre as capitais dos estados

Região Sudeste

Rio de Janeiro Bandeira e brazão estado do Rio de Janeiro Estado do Rio de Janeiro História O Rio de Janeiro originou-se de partes da capitania de São Tomé e de São Vicente. Entre 1555 e 1567, o território foi ocupado pelos franceses, que pretendiam instalar uma colônia de povoamento, a França Antártica. Visando evitar a ocupação pelos franceses, em 1o. de março de 1565, foi fundada a cidade do Rio de Janeiro, por Estácio de Sá. No século 17, a pecuária e a cana-de-açúcar impulsionaram o progresso, definitivamente assegurado quando o porto começou a exportar o ouro extraído de Minas Gerais, no século 18. Em 1763, o Rio de Janeiro se tornou a sede do Vice-reino do Brasil e a capital da colônia. Com a mudança da família real para o Brasil, em 1808, a região foi muito beneficiada com reformas urbanas para abrigar a Corte portuguesa. Dentro das mudanças promovidas destacam-se: a transferência de órgãos de administração pública e justiça, a criação de novas igrejas, hospitais, quartéis, fundação do primeiro banco do país - o Banco do Brasil - e a Imprensa Régia, com a Gazeta do Rio de Janeiro.Nos anos seguintes também surgiram o Jardim Botânico, a Biblioteca Real e a Academia Real Militar.
Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Geografia_do_Brasil
Área: 43.696,054 km2
População: 15.383.407 hab. IBGE/2005
Densidade: 329,37 hab./km2
Clima: Tropical
São Paulo Bandeira e brazão estado de Sao Paulo Estado de Sao Paulo História O nome São Vicente foi dado por Américo Vespúcio, em 22 de Janeiro de 1502, em viagem que objetivava mapear o litoral do Brasil. Quando passou por nossa região, viu duas ilhas (onde hoje estão Santos e Guarujá) e o estuário, que achou ser um rio. Era dia de São Vicente, assim tendo sido batizada a localidade.As primeiras povoações de São Vicente também não foram oficiais. Ali foi abandonado o Bacharel de Cacanéia. Segundo muitos historiadores, teria sido ele o português Cosme Fernandes Pessoa, verdadeiro fundador de São Vicente, a partir de onde de fato governava e controlava o comércio da região. segundo documento encontrado pelo português Jaime Cortesão, o Bacharel já moraria no Brasil antes até da chegada de Cabral: O degredado é citado em um documentodatado de 24 de Abril de 1499, descoberto por Cortesão, o qual reporta-se a uma viagem não-oficial de Bartolomeu Dias ao Brasil. Outro documento, de 1526, descreve o povoado de São Vicente, informando que teria uma dúzia de casas, sendo apenas uma de pedra, com uma torre para defesa. Cosme Fernandes Pessoa foi acusado junto ao Rei de Portugal, por dois amigos que em troca receberam doações em terras, de manter relações com espanhóis que viviam mais ao sul, com perigo para o domínio português na região.
Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Geografia_do_Brasil
Área: 248 808,8 km2
População: 40.442.795 hab. 2005/IBGE
Densidade: 160,06 hab./km2
Clima: Tropical, Tropical de Altitude e Subtropical
Vitória Bandeira e brazão estado do Espirito Santo Estado do Espirito Santo História Capixabas são todos aqueles que nascem no Estado do Espirito Santo. Capixabas eram as roças de milho localizadas na ilha de Vitória, que pertenciam aos índios que originalmente habitavam a região na chegada dos portugueses. Quando os portugueses, em 23 de maio de 1535, capitaneados pelo fidalgo Vasco Fernandes Coutinho, tomaram posse da Capitania do Espírito Santo, depararam-se com indígenas de diversas culturas que dominavam o litoral e o interior e que impuseram à Coroa Portuguesa severa resistência ao processo de colonização. Tanto que apenas na primeira metade do século XVII as lutas tiveram fim, com a definitiva derrota dos índios. A partir daí o processo de aculturação deu-se de forma acelerada, e rapidamente as diversas etnias foram absorvidas e integradas pelas populações de origem Portuguesa e Africana, bem como, no decorrer das décadas, por imigrantes europeus de outras nacionalidades, como alemães e italianos. Nos dias atuais, um reduzidíssimo número de índios ainda procura manter vivas sua cultura e tradição, ambas fragilizadas pela sociedade como um todo, que se baseia em valores bem diferentes e até opostos aos deles. Sobrevivem em reservas situadas ao norte da capital Vitória, sendo Caieiras Velhas, no município de Aracruz, a mais representativa.
Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Geografia_do_Brasil
Área: 46.077,519 km2
População: 3.408.365 hab. IBGE/2005
Densidade: 67,21 hab./km2
Clima: Tropical
Belo Horizonte Bandeira e brazão estado de Minas Gerais Estado de Minas Gerais História O desbravamento da região teve início no século 16, por bandeirantes paulistas que buscavam ouro e pedras preciosas. Em 1693, as primeiras descobertas importantes de ouro provocaram uma corrida cheia de incidentes, sendo o mais grave a Guerra dos Emboabas (1707-10). Em 1709, foi criada a Capitania de São Paulo e Minas de Ouro, que, em 1720, foi desmembrada em São Paulo e Minas Gerais. Na primeira metade do século XVIII, a região tornou-se o centro econômico da colônia, com rápido povoamento, com destaque para as chamadas Vilas do Ouro - Ouro Preto, Mariana, Serro, Caeté, São João Del Rei, Pitangui, Sabará e Tiradentes. No entanto, a produção aurífera começou a cair por volta de 1750, o que levou Portugal a buscar meios para aumentar a arrecadação de impostos, provocando a revolta popular, que culminou na Inconfidência Mineira, em 1789. Encerrada essa fase, a política de isolamento, antes imposta à região mineradora como forma de exercer maior controle sobre a produção de pedras e metais preciosos, ainda inibia o desenvolvimento de qualquer outra atividade econômica de exportação, forçando a população a se dedicar a atividades agrícolas de subsistência.
Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Geografia_do_Brasil
Área: 586.528,293 km2
População: 19.237.450 hab. IBGE/2005
Densidade: 30,43 hab./km2
Clima: Tropical